Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Anelídeos

coabio anelideos

DOCUMENTOS E ARQUIVOS
Nome
Baixar
Lista das espécies avaliadas alt
Ficha base de avaliação alt
Publicação - Biodiversidade Brasileira alt

PUBLICADO

N° DE ESPÉCIES: 3

Os Anelídeos terrestres são animais vermiformes, de corpo alongado constituído de anéis externamente visíveis, e são conhecidos como minhocas e minhocuçus. Eles possuem a importante função de processamento e incorporação de matéria orgânica ao solo, seu habitat natural. No Brasil, existem 306 espécies, das quais 85% são nativas e 15% são exóticas. Esses animais são extremamente sensíveis à alterações ambientais e respondem de diferentes maneiras, sendo muito úteis para o monitoramento ambiental do solo. Atualmente, a intensa atividade de agricultura e pecuária traz ameaças ao habitat natural dessas espécies, tais como erosão, desintegração de suas galerias através do pisoteio pelo gado, e degradação da vegetação. A captura para utilização como iscas também se constitui em uma forte ameaça.

A Oficina de Avaliação do Estado de Conservação dos Anelídeos terrestres brasileiros foi conduzida pelo Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da Biodiversidade do Cerrado e Caatinga e realizada em abril de 2011, na cidade de Belo Horizonte.

N° DE OFICINAS:

1 oficina realizada

COORDENADOR DE TAXON:

Dr. George Gardner Brown (Embrapa Florestas)

PONTO FOCAL:

Dr. Onildo João Marini-Filho (CECAT – ICMBio)

EMAIL:  coabio@icmbio.gov.br

Fim do conteúdo da página