Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Aves - Sporophila maximiliani Cabanis, 1851 - Bicudo-verdadeiro
Início do conteúdo da página

Aves - Sporophila maximiliani Cabanis, 1851 - Bicudo-verdadeiro

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Aves
Aves
Passeriformes
Thraupidae
Sporophila maximiliani Cabanis, 1851
Bicudo-verdadeiro
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
CR
C2a(i)
IN MMA 003/2003
Justificativa
Sporophila maximiliani ocorre na Venezuela, Guianas e Brasil. A subespécie S. m. magnirostris ocorre marginalmente no país, sendo pouco representativa na população brasileira da espécie. Sporophila maximiliani maximiliani ocorria originalmente no norte e centro-leste do Brasil, mas registros recentes na natureza são extremamente raros e de apenas um ou dois indivíduos por local. Esses registros restringem-se a cinco localidades nos estados de Goiás, Bahia, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Estima-se que a população brasileira não seja maior que 250 indivíduos maduros e que cada uma dessas subpopulações não tenha mais que 50 deles. Assim sendo, S. maximiliani foi categorizada como Criticamente em Perigo (CR), pelo critério C2a(i).
Especialistas
André Cordeiro De Luca, Giovanni Mauricio, Glayson Ariel Bencke, João Batista de Pinho, Luís Fábio Silveira, Miguel Ângelo Marini, Vítor de Queiroz Piacentini
Referências
1) Faria, I.P. 2008. Novas ocorrências e registros relevantes de aves no Distrito Federal, Brasil, com comentários sobre distribuição local. Revista Brasileira de Ornitologia, 16(1): 40-43.
2) Fiuza, A.C. 1999. A avifauna da Caatinga do Estado da Bahia - Composição e Distribuição. Articulação Nordestina de Ornitologia.
3) Grantsau, R.K.H. 2010. Guia completo para a identificação das aves do Brasil. Parte II. Vento Verde. 656p.
4) Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). 2002. Plano de Manejo do Parque Nacional da Serra do Divisor. Anexo. 5p.
5) Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). 2004. Plano de Manejo do Parque Nacional de Ilha Grande, Anexos. 40p.
6) Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). 2005. Plano de Manejo do Parque Nacional Serra da Canastra. 578p.
7) Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). 2006. Plano de Manejo para Uso Múltiplo da Floresta Nacional do Tapirapé-Aquiri. 453p.
8) ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade). 2009a. Plano de Manejo da Floresta Nacional do Purus. 663p.
9) ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade). 2009b. Plano de Manejo da Floresta Nacional Mapiá-Inauini. 485p.
10) Rising, J.D. 2011. Family Emberizidae, p.428-683. In: del Hoyo, J.; Elliott, A. & Christie, D. Handbook of the birds of the world, Vol 16: Tanagers to New World Blackbirds. Lynx Edicions. 893p.
11) Silveira, L.F. & Straube, F. C. 2008. Aves ameaçadas de extinção no Brasil, p. 378-679. In: Machado, A. B. M.; Drummond, G. M. & Paglia, A.P. Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção. Ministério do Meio Ambiente e Fundação Biodiversitas. v.2, 1420p.
12) Straube, F. & Urben-Filho. 2008. Oryzoborus maximiliani (Cabanis, 1851), p.538-539. In: Machado, A.B.M.; Drummond, G.M.; Paglia, A.P. (orgs.). Livro Vermelho da Fauna Ameaçada de Extinção no Brasil. Ministério do Meio Ambiente e Fundação Biodiversitas. v.2, 460p.
13) WikiAves (Enciclopédia das Aves do Brasil). 2014. Mapa de registros da espécie bicudo (Sporophila maximiliani). www.wikiaves.com.br/mapaRegistros_bicudo (Acesso em 21/7/2014).
Fim do conteúdo da página