Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Aves - Xiphocolaptes carajaensis Silva, Novaes & Oren, 2002 - Arapaçu-do-carajás
Início do conteúdo da página

Aves - Xiphocolaptes carajaensis Silva, Novaes & Oren, 2002 - Arapaçu-do-carajás

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Aves
Aves
Passeriformes
Dendrocolaptidae
Xiphocolaptes carajaensis Silva, Novaes & Oren, 2002
Arapaçu-do-carajás
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
VU
A2c+3c
Justificativa
Xiphocolaptes carajaensis ocorre em área que perdeu, recentemente, 60% de sua cobertura vegetal e está sobreposta ao arco do desmatamento. A distribuição da espécie se sobrepõe ao arco do desmatamento e baseando-se em modelagem de perda de habitat para espécie que possui distribuição e características ecológicas parecidas (Hylexetastes brigidai), projeta-se que a perda ainda será de 40 a 50% em 3 gerações (15 anos). Infere-se um declínio populacional de pelo menos 30% já ocorrido e também projetado para o futuro. Por estas razões, a espécie foi categorizada como Vulnerável (VU) A2+3c.
Especialistas
Alexander Charles Lees, Alexandre Luis Padovan Aleixo, Christian Borges Andretti, Edson Varga Lopes, Luciano Nicolas Naka, Luís Fábio Silveira, Luiz Augusto Macedo Mestre, Mário Cohn-Haft, Sérgio Henrique Borges, Sidnei de Melo Dantas, Thiago Orsi Laranjeiras, Túlio Dornas de Oliveira
Referências
1) Bird, J.P.; Buchanan, G.M.; Lees, A.C.; Clay, R.P.; Develey, P.F.; Ye´pez, I. & Butchart, S.H.M. 2012. Integrating spatially explicit habitat projections into extinction risk assessments: a reassessment of Amazonian avifauna incorporating projected deforestation. Diversity and Distributions, 18: 273-281.
2) CBRO (Comitê Brasileiro de Registros Ornitológicos). 2011. Listas das aves do Brasil. 10ª Edição. http://www.cbro.org.br (Acesso em: 2/5/2012).
3) ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade). 2009. Plano de Manejo da Reserva Biológica do Tapirapé. Encarte 4. 180p.
4) Lees, A.C. & Peres, C.A. 2008. Conservation value of remnant riparian forest corridors of varying quality for Amazonian birds and mammals. Conservation Biology, 22: 439-449.
5) Pacheco, J.F.; Kirwan, G.M.; Aleixo, A.; Whitney, B.M.; Whittaker, A.; Minns, J.; Zimmer, K.J.; da Fonseca, P.S.M.; Lima, M.F.C. & Oren, D.C. 2007. An avifaunal inventory of the CVRD Serra dos Carajás project, Pará, Brazil. Cotinga 27: 15-30.
6) Ridgely, R. & Tudor, G. 2009. Field Guide to the Songbirds of South America: The Passerines. University of Texas Press. 736p.
7) Silva, J.M.C.; Novaes, F.C. & Oren, D.C. 2002. Differentiation of Xiphocolaptes (Dendrocolaptidae) across the river Xingu, Brazilian Amazonia: recognition of a new phylogenetic species and biogeographic implications. Bull. Brit. Orn. Club, 122: 185–196.
8) Silva, J.M.C.; Rylands, A.B. & Fonseca, G.A.B. 2005. O destino das áreas de endemismo da Amazônia. Megadiversidade 1(1): 124-131.
9) Stotz, D.F.; Fitzpatrick, J.W; Parker III, T.A. & Moskovits, D.K. 1996. Neotropical Birds: Ecology and Conservation. The University of Chicago Press. 479p.
10) Terborgh, J.; Robinson, S.K.; Parker, T.A. III; Munn, C.A. & Pierpont, N. 1990. Structure and organization of an Amazonian forest bird community. Ecological Monographs, 60: 213-38.
11) Valente, R.M. 2006. Padrões espaciais em comunidades de aves amazônicas. Tese (Doutorado em Zoologia). Museu Paraense Emílio Goeldi – MPEG / Universidade Federal do Pará - UFPA. 257p.
Fim do conteúdo da página