Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Fauna Brasileira > Lista de Espécies Ameaçadas > Invertebrados Terrestres - Megalobulimus cardosoi (Morretes, 1952) - Aruá-do-mato
Início do conteúdo da página

Invertebrados Terrestres - Megalobulimus cardosoi (Morretes, 1952) - Aruá-do-mato

Classificação Taxonômica
Grupo
Classe:
Ordem:
Família:
Espécie:
Nome Vulgar:
Invertebrados Terrestres
Gastropoda
Stylommatophora
Megalobulimidae
Megalobulimus cardosoi (Morretes, 1952)
Aruá-do-mato
Categoria de Ameaça
Categoria Validada:
Critério Validado:
Presença Lista Anterior:
CR
B2ab(iii)
IN MMA 003/2003
Justificativa
Megalobulimus cardosoi é endêmica do Brasil, com registros de ocorrência para o município de Murici, Alagoas, e em Pernambuco. A última coleta provém da descrição original, em 1952 e a espécie também é rara em coleções. A população encontra-se severamente fragmentada devido à intensa exploração da mata atlântica nordestina, que atualmente está restrita a pequenos fragmentos, principalmente devido à produção intensiva de cana-de-açúcar. Recentemente ainda tem sido observado a redução da extensão total de florestas. Por ser uma espécie de baixa mobilidade e dispersão, assume-se que esteja restrita aos remanescentes, com Área de Ocupação calculada em 4km². Além disso, é um gênero facilmente confundido com a espécie exótica Achatina fulica, capaz de transmitir doenças, podendo desta forma, ser alvo de coleta e abate pela população. Outras ameaças relevantes são a poluição e o aumento da incidência de fogo, que contribuem para o declínio continuado da área de ocupação, qualidade do habitat e número de subpopulações. Portanto, M. cardosoi foi categorizada como Criticamente em Perigo – CR, pelos critérios B2ab(iii).
Especialistas
Eduardo Colley – MZUSP, Igor Christo Myahira - UERJ e UNIRIO, Ingrid Heydrich - FZB/RS, Isabela Cristina Brito Gonçalves – UERJ, Lenita Tallarico – UNICAMP, Luiz Eduardo Macedo Lacerda – UERJ, Maria Júlia Martins Silva – UnB, Meire Silva Pena - PUC/MG, Monica Ammon Fernandez – FIOCRUZ, Norma Campos Salgado - MN/UFRJ, Silvana Carvalho Thiengo - Fiocruz/RJ, Sonia Barbosa dos Santos – UERJ, Suzete Rodrigues Gomes – MZUSP.
Referências
Agudo-Padrón, A. I., 2011. Threatened freshwater and terrestrial molluscs (Mollusca, Gastropoda et Bivalvia) of Santa Catarina State, Southern Brazil: check list and evaluation of regional threats. Biodiversity Journal, 2 (2): 59-66.

Dornelas, A. P. S. & Simone, L. R. L., 2011. Annotated list of type specimens of mollusks deposited in Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo, Brazil. Arquivos de Zoologia, Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo. Volume 42 (1): 1-81.

Mansur, M.C.D. 1996. Megalobulimus cardosoi. In: IUCN 2013. IUCN Red List of Threatened Species. Version 2013.2. . Downloaded on 01 April 2014.

Ohlweiler, F. P., 2008. Megalobulimus cardosoi (Morretes, 1952). In: Machado, A.B.M.,; Drummond, G. M., & Paglia, A.P. (Eds.), Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção (vol. 1). Ministério do Meio Ambiente, Fundação Biodiversitas. Brasília, DF; Belo Horizonte (MG). pp. 470-471.
Fim do conteúdo da página