Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Programas e Projetos > Projeto Nacional de Ações Integradas Público-Privadas para Biodiversidade-Probio II
Início do conteúdo da página

Projeto Nacional de Ações Integradas Público-Privadas para Biodiversidade-Probio II

O Projeto Nacional de Ações Integradas Público-Privadas para Biodiversidade, denominado Probio II, é uma iniciativa nacional coordenada pelo MMA. A sua execução é descentralizada, por meio da execução de projetos dos beneficiários cujos resultados individuais contribuirão para a meta global do Projeto.

Desenhado para ser executado em seis anos, o Probio II conta com recursos de doação do Global Environmental Facility – GEF, apoio financeiro do Fundo Mundial para o Meio Ambiente (US$ 22 milhões) e de demais fontes governamentais e do setor privado (US$ 75 milhões).

O Instituto Chico Mendes de Conservação e da Biodiversidade é um dos beneficiários do Probio II, sendo responsável pela implementação de ações de conservação e manejo da biodiversidade, nos níveis de ecossistemas e de espécies.

No ICMBio, o aporte de recursos prevê investimentos no fortalecimento institucional – com infra-estrutura e aquisição de equipamentos para UC e Centros; no manejo de espécies ameaçadas de extinção – com elaboração e implementação de Planos de Ação de espécies ameaçadas; na atualização de lista de espécies da fauna ameaçada de extinção; e no monitoramento da biodiversidade em UC doo biomas Cerrado e Caatinga.

São beneficiários do Projeto os ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA; do Desenvolvimento Agrário – MDA; da Saúde – MS; da Ciência e Tecnologia – MCT; além do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade- ICMBio; do Jardim Botânico do Rio de Janeiro – JBRJ; da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa e da Fundação Oswaldo Cruz – Fiocruz, como previu Acordo de Cooperação publicado no DOU em 15 de setembro de 2008.

Acordo de Doação foi firmado entre o Banco Mundial, a Caixa Econômica Federal (CEF) e o Funbio como instrumento legal estabelecendo o Projeto. A Unidade de Coordenação do Projeto fica a cargo da Secretaria de Biodiversidade e Florestas (SBF/MMA). A CEF fica com a gestão financeira e o Funbio com a coordenação do componente referente ao setor privado.

O ICMBio está com processo seletivo aberto para escolha de bolsistas pelo PROBIO. Os interessados devem preencher o formulário clicando aqui.

Mais informações no site do Probio II

Publicações sobre Biodiversidade do Probio

registrado em:
Fim do conteúdo da página