Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > Geral > Marinha de Maracanã promove curso de Planejamento Estratégico
Início do conteúdo da página

Marinha de Maracanã promove curso de Planejamento Estratégico

Publicado: Quarta, 14 de Setembro de 2011, 10h52
Foi possível mapear comunidades usuárias e identificar os principais entraves enfrentados

Brasília (08/09/2011) - Nos dias 30 e 31 de agosto foi realizada a Oficina de Planejamento Estratégico Participativo da Reserva Extrativista Marinha de Maracanã, Unidade de Conservação (UC) gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e localizada no estado do Pará.

Durante a oficina foi possível mapear comunidades usuárias e identificar os principais entraves enfrentados. Dentre os principais problemas identificados, foram pontuados dois eixos temáticos passivos de ação prioritária até o final do ano.
O primeiro é o cadastramento de usuários dos recursos naturais da UC, residentes em 90 comunidades. Nesse sentido, o professor José Edilson, do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Federal do Pará (UFPA), contribuiu com o debate sobre a questão da “Identidade e Territorialidade”, tendo em vista o grande desafio em identificar comunitários, que se consideram usuários dos recursos pesqueiros da Reserva.

O segundo eixo abordado foi a questão do Ordenamento dos Recursos Pesqueiros. Sobre este tema, foi observado a necessidade de atualização do Plano de Utilização da UC, bem como percebeu-se a  falta de esclarecimentos por parte das lideranças comunitárias. Neste sentido, a Tenente Milena, representante da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental e o Analista Ambiental do IBAMA, Antônio Melo, debateram sobre legislação e gestão dos recursos pesqueiros, abordando sobre a situação dos “currais” e arte de pesca fixa, muito utilizada pelos pescadores da região.

A Oficina contou com a participação dos representantes do Conselho Deliberativo, Comitês Comunitários, Equipe do NGI Curuçá/PA, Equipe do Projeto Manguezais do Brasil, IBAMA/SUPES (PA) e Capitania dos Portos da Amazônia Oriental. A oficina teve apoio financeiro do Projeto PNUD BRA/08/023 e do Programa Áreas Protegidas da Amazônia (ARPA).

Ao término foram agendadas para esse quadrimestre como capacitação dos Conselheiros em temas relacionados à gestão comunitária compartilhada, discussão e aprovação dos critérios para definição de usuários da UC, instalação de unidade de beneficiamento de massa de caranguejo, revisão do Plano de Utilização da UC e Criação de acordos de pesca.

Ascom/ICMBio
(61) 3341-9280
Fim do conteúdo da página